fbpx
Você gosta de andar com o seu cão solto na rua, sem guia, sem coleira?
Andar livremente, explorar o ambiente e aproveitar o passeio é a justificativa constante de quem permite que seu cão ande solto na rua. Mas, e a segurança, onde fica? Infelizmente, não  existe segurança para ninguém. ??
Porém, se andar sem guia pela rua fosse uma estratégia segura, cães da polícia militar (super treinados) não precisariam dela! ??
Quem dispensa a guia ignora o fato de cães serem animais que têm vontade própria (ainda que bem treinados), ignora o fato de que o controle é uma ilusão, ignora o fato de que cães não entendem o perigo do atropelamento, ignora o fato de que a rua é um ambiente público e não um quintal privativo, ignora o respeito pelas outras pessoas que podem não se sentir à vontade diante de um cão solto na rua, ignora o fato de que não é justo com um cão na guia ser abordado por outro sem guia*.

* Talvez você não saiba, mas, diante de situações ameaçadoras, os cães têm duas opções: atacar ou fugir. Fugir é a estratégia mais fácil e mais usada pela maioria dos cachorros, porque ela é mais segura (instinto de autopreservação) e porque demandará menos esforços físicos do cão. Entretanto, cães na guia não conseguem fugir – resta-lhes atacar.

Você gostaria de dar mais liberdade ao seu cão e gostaria de desfrutar da segurança durante os passeios? Então, use uma guia mais longa! Por aqui, usamos uma guia de 2 metros de comprimento!
Mas, por favor, não ande com o seu cão solto na rua, sem guia! Pedimos isso por ele, por você e por nós, que nunca dispensamos o equipamento de segurança durante passeio. ☺?❤

 

Clique na imagem e baixe o seu manual gratuitamente

 

Receba novidades e conteúdos exclusivos!

QUERO SER VIP

Quer participar do nosso grupo VIP? Cadastre-se!

NÓS APOIAMOS

CAMILLI CHAMONE

Pós-graduada em Genética e Biologia Molecular. Foi professora universitária federal de Biologia Celular e Genética. Criou buldogues franceses. Foi membro efetivo do Conselho Disciplinar do Kennel Clube de Belo Horizonte. Foi Diretora da Federação Mineira de Cinofilia. É editora do "Seu Buldogue Francês", o maior blog do mundo sobre buldogues franceses, e de todas as mídias sociais que levam esse nome. É palestrante e consultora sobre bem-estar e comportamento canino. Além disso tudo, é perdida e irremediavelmente apaixonada por frenchies.

SIGA O SEU BULDOGUE FRANCÊS NAS REDES SOCIAIS

E-mail

seubuldoguefrances@gmail.com

POSTS DO INSTAGRAM

Pin It on Pinterest

Share This