fbpx

Quase morri de susto!
Todos os dias, pela manhã, a cozinha é tomada de uma algazarra adoravelmente terrível, latidos, súplicas “Estou aqui, estou aqui, estou aqui!” (em caninês, obviamente). Mas, hoje, estavam todos jururús.
Fizeram uma festinha brocochô para mim, correram para lá, para cá e ficaram deitados no solzinho, enquanto eu tomava café.
Não ligaram para os raw meat bones de frango, então resolvi dar uma animada na tchurma, servindo macarronada de atum, regada com azeite.
Funcionou, mas ainda não estão em seu melhor dia. A razão disso?
A Bonnie não está mais aqui para liderar o clã. Hoje, estou aqui de “galinha-choca”, mostrando aos filhotinhos que o barco não vai afundar.
Por sua vez, o papai da Bonnie (agora, CATUCHA), também está lá na cidade maravilhosa, pageando a menininha, que vai ter que aprender tudo de novo, inclusive a quem amar.
Ela adora roer esse banquinho. Sim, nós deixamos, é claro! Como resistir ao seu jeitinho?]]>

 

SAIBA TUDO SOBRE OS BULDOGUES FRANCESES!

Clique na imagem e baixe o seu Manual.

 

Receba novidades e conteúdos exclusivos!

QUERO SER VIP

Quer participar do nosso grupo VIP? Cadastre-se!

NÓS APOIAMOS

CAMILLI CHAMONE

Pós-graduada em Genética e Biologia Molecular. Foi professora universitária federal de Biologia Celular e Genética. Criou buldogues franceses. Foi membro efetivo do Conselho Disciplinar do Kennel Clube de Belo Horizonte. Foi Diretora da Federação Mineira de Cinofilia. É editora do "Seu Buldogue Francês", o maior blog do mundo sobre buldogues franceses, e de todas as mídias sociais que levam esse nome. É palestrante e consultora sobre bem-estar e comportamento canino. Além disso tudo, é perdida e irremediavelmente apaixonada por frenchies.

SIGA O SEU BULDOGUE FRANCÊS NAS REDES SOCIAIS

E-mail

seubuldoguefrances@gmail.com

POSTS DO INSTAGRAM

Pin It on Pinterest

Share This