fbpx

Agora, com a alimentação natural, todas aquelas partes que não utilizávamos antes e vêm embaladinhas dentro dos cocós (pés, cabeça e vísceras) viram petiscos para a molecada canina. Pés de frango são sucesso garantido para qualquer dog aqui em casa.
Moela e fígado, idem.
Mas, e cabeça de frango? Será que alguém comeria essa iguaria?
Resolvemos fazer o teste com o Akin. Bastou dizer “Vem cá, Akin!” e num instante crac-crac-crac, croc-croc-croc, olhos, bico, cristas, etc, etc e etc, viraram comida de buldogue francês!


Akin vestindo Alphabeto, coleção primavera-verão.

> para a série “Minha Experiência Com Alimentação Natural”]]>

 

SAIBA TUDO SOBRE OS BULDOGUES FRANCESES!

Clique na imagem e baixe o seu Manual.

 

Receba novidades e conteúdos exclusivos!

QUERO SER VIP

Quer participar do nosso grupo VIP? Cadastre-se!

NÓS APOIAMOS

CAMILLI CHAMONE

Pós-graduada em Genética e Biologia Molecular. Foi professora universitária federal de Biologia Celular e Genética. Criou buldogues franceses. Foi membro efetivo do Conselho Disciplinar do Kennel Clube de Belo Horizonte. Foi Diretora da Federação Mineira de Cinofilia. É editora do "Seu Buldogue Francês", o maior blog do mundo sobre buldogues franceses, e de todas as mídias sociais que levam esse nome. É palestrante e consultora sobre bem-estar e comportamento canino. Além disso tudo, é perdida e irremediavelmente apaixonada por frenchies.

SIGA O SEU BULDOGUE FRANCÊS NAS REDES SOCIAIS

E-mail

seubuldoguefrances@gmail.com

POSTS DO INSTAGRAM

Pin It on Pinterest

Share This