fbpx

A Lud (mãe humana do Tom e a Iaiá) me perguntou ontem e mais pessoas me escreveram por e-mail, por facebook perguntando como será o tratamento da pequena Sookie! O tratamento alopático foi a primeira escolha da mãe humana da Sookie – ivermectina para tratar a sarna demodécica e antibiótico para tratar a infecção secundária. Entretanto, infelizmente, a sarna evoluiu de localizada para generalizada durante as 03 (três) semanas de tratamento. Além disso, Sookie perdeu peso, estava visivelmente menos ativa e sua pele estava tão frágil que ela sentia MUITA dor ao toque – a sensação era de que a pele iria romper. D.e.s.e.s.p.e.r.a.d.o.r, concordam? Foi por isso que eu praticamente implorei pedi para que a mãe da Sookie permitisse que ela passasse algum tempo comigo. Não que eu seja milagreira, mas um pouquinho mais de experiência com os orelhudos, num momento delicado destes, faz um pouco de diferença. O primeiro passo foi passar a Sookie para a alimentação natural. Aliás, ela AMA. Come desesperadamente, como se não houvesse amanhã. Vê-la comendo bem é uma satisfação inominável. Preciso dizer que sua mãe humana ficava paranóica de preocupação porque ela se recusava a comer (ração)? Aliás, minha querida amiga Sylvia Angélico, não tenho palavras para agradecer a sua ajuda em tão prontamente nos atender com a dieta da Sookie! É o seu conhecimento e a sua generosidade em compartilhá-lo que irão contribuir com a melhora desta camundonga! O segundo passo foi entrar em contato com a excepcional médica veterinária homeopata Fernanda Percoraro, de São Paulo. Com o diagnóstico clínico promovido pelo veterinário dermatologista daqui de Belo Horizonte foi possível fazer a associação do tratamento homeopático à distância. Viva a internet!!!! Sookie veio para minha casa no último dia 08, iniciou a AN e começou o tratamento homeopático no dia seguinte – ela não está fazendo uso do tratamento alopático mais. Seu pelo, que possuía o aspecto de palha seca, já possui aspecto melhor. A sensibilidade da pele ao toque já acabou. A vermelhidão da pele já está cedendo, assim como o aspecto “chokito branco” da mesma. As costelinhas não estão mais aparecendo!
É muito ganho para apenas 5 dias e meio, não é mesmo?

Uma observação interessante: Sookie está comendo grandes quantidades de alimentos, entretanto suas fezes são microscópicas! Isso significa que seu organismo está fazendo aproveitamento de praticamente tudo que entra, em benefício de sua recuperação.

(Em outro e-mail vou falar sobre as questões anti sociais dela. Seria muito assunto para o post de hoje!)
Leo e Pedritinha, grandes companheiros, participando ativamente da reabilitação da Sookie.

]]>

 

Quer entender e organizar, de uma vez por todas, a vida do seu buldoguinho?

 

CLIQUE NA IMAGEM E ADQUIRA OS 3 VOLUMES DO E-BOOK

"MANUAL DO BULDOGUE FRANCÊS" POR APENAS R$ 9,90!

 

Receba novidades e conteúdos exclusivos!

QUERO PARTICIPAR

Quer participar do nosso grupo exclusivo? Cadastre-se gratuitamente!

NÓS APOIAMOS

CAMILLI CHAMONE

Pós-graduada em Genética e Biologia Molecular. Foi professora universitária federal de Biologia Celular e Genética. Criou buldogues franceses. Foi membro efetivo do Conselho Disciplinar do Kennel Clube de Belo Horizonte. Foi Diretora da Federação Mineira de Cinofilia. É editora do "Seu Buldogue Francês", o maior blog do mundo sobre buldogues franceses, e de todas as mídias sociais que levam esse nome. É palestrante e consultora sobre bem-estar e comportamento canino. Além disso tudo, é perdida e irremediavelmente apaixonada por frenchies.

SIGA O SEU BULDOGUE FRANCÊS NAS REDES SOCIAIS

E-mail

seubuldoguefrances@gmail.com

POSTS DO INSTAGRAM

Pin It on Pinterest

Share This